Tratamento da Síndrome do Impacto do Ombro


>




A síndrome do impacto do ombro (ou conflito subacromial) é uma doença dolorosa que consiste na compressão do tendão do músculo supra-espinhal durante o movimento de elevação do braço e na fase de retorno à posição de repouso.

O tratamento da síndrome do impacto deve ser inicialmente sempre conservador, independente da fase da lesão do manguito rotador. Deve-se tratar primeiramente a dor do paciente, através de medidas analgésicas, como:

- calor ou gelo local dependendo da sensibilidade do paciente
- anti-inflamatórios não hormonais (AINH)
- analgésicos
- fisioterapia (obrigatória na maioria dos casos)
- acupuntura

É importante salientarmos que a acupuntura é, sem duvida, um excelente e comprovado meio de se tratar a dor do paciente, porém é fundamental que deixemos claro que ela não tem a capacidade de curar a doença, uma vez que as alterações que estã envolvidas são mecânicas, e não apenas inflamatórias.

Desse modo é necessário, para a resolução do quadro, que seja instituído o fortalecimento dos músculos do manguito rotador, sendo esta justamente a segunda fase do tratamento. Ainda assim, os exercícios resistidos para fortalecimento muscular do manguito só devem ser iniciados quando a dor estiver controlada, e devem ser feitos sempre dentro dos limites de tolerabilidade do paciente, para que asseguremos que estão sendo feitos da maneira correta.

Acredita-se que o tempo médio necessário para que se consiga algum resultado satisfatório com o tratamento conservador seja de pelo menos três meses, embora alguns pacientes apresentem melhora significativa bem antes deste tempo. Se, após um período razoável, o paciente não obtiver melhora satisfatória, pode-se indicar o tratamento cirúrgico, que dependerá do tipo da lesão.

Tratamento da Síndrome do Impacto do Ombro Tratamento da Síndrome do Impacto do Ombro Revisado by Faça Fisioterapia on 10:38 Nota: 5