Fratura fechada: Não há lesão da pele. Fratura aberta ou exposta: Há, na pele, uma ferida que se comunica com a fratura. Pode ser de qualq...

Tipos de fratura







Fratura fechada: Não há lesão da pele.

Fratura aberta ou exposta: Há, na pele, uma ferida que se comunica com a fratura. Pode ser de qualquer dimensão, inclusive se resumindo a um ponto.

Fratura patológica: Ocorre num osso afetado por problemas prévios que o enfraqueceram (como doenças congênitas, infecções e lesões benignas ou malignas).

Fratura por estresse: Ocorre em ossos submetidos a esforço contínuo. Sua incidência vem se elevando devido à disseminação da prática esportiva intensa pelos jovens.

Fratura desviada: Os fragmentos do osso se deslocam.

Fratura articular: Há acometimento da articulação.

Descolamento epifisário: Atinge a placa de crescimento.

Fratura em "galho verde": O osso é "lascado" ou "trincado", sendo que um lado dele permanece íntegro.

Fratura subperiostal: Ocorre sob o periósteo, membrana resistente que envolve o osso.



Gostou o texto? Nos siga nas redes sociais: Instagram, Facebook e Twitter



Quer anunciar neste blog?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui

Quer sugerir uma pauta?
Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui ou um email clicando aqui

Através deste curso, você terá acesso aos mais atuais protocolos de Avaliação e Tratamento da chamada Fisioterapia Contemporânea, dentre eles: Termografia Clínica, Análise computadorizada de biomecânica, Estabilização segmentar, ventosaterapia, pilates e liberação miofascial. Clique aqui

O curso de Fisioterapia Ortopédica e Traumatológica contém informações detalhadas sobre o funcionamento e composição do sistema musculoesquelético, os tipos de lesões que podem afligi-los e as formas de tratamento. Clique aqui
>

Poste um Comentário

Faça Fisioterapia