O que é a artrodese de Tornozelo?










A artrodese é uma cirurgia que realiza a fusão de uma articulação. No tornozelo, essa cirurgia "cola" o osso da tíbia ao tálus. Ela pode ser indicada para indivíduos com artrose (desgaste) avançada do tornozelo, que não melhoraram com medidas conservadoras (não cirúrgicas).

Apesar de aliviar a dor, esse procedimento elimina o movimento da articulação, podendo trazer sérias consequências a longo prazo, como a artrose das articulações adjacentes, culminando em dor e perda da função, como dificuldade para correr, subir e descer escadas, andar rápido, entre outras.


A desartrodese, ou na literatura inglesa "take-out fusion", é um procedimento indicado para pacientes com uma artrodese do tornozelo que não estão bem, ou seja, têm dor incapacitante e limitação das atividades diárias, apesar de medidas de tratamento sem cirurgia. Nela, a artrodese é "retirada" e se implanta uma prótese de tornozelo, reestabelecendo o movimento da articulação. Essa cirurgia pode aliviar esses sintomas e proporcionar maior qualidade de vida aos pacientes.

Como este tipo de tratamento provoca a imobilização total da articulação, é realizado somente nos casos que já estão muito avançados ou em situações em que os outros tipos de tratamento não forneceram melhora suficiente da dor.

Pacientes que sofrem com instabilidade crônica, causadas por entorses também podem ser submetidos à artrodese no tornozelo, em casos muito graves com deformidades muito grandes e limitantes devido ao desgasteda cartilagem causado pela deformidade crônica.

O avanço do quadro se dá, especialmente, se o paciente não procura o tratamento adequado e mantém suas atividades normais que geram a deterioração articular.

Vale destacar que pacientes que ainda estão em fase de crescimento não devem fazer a cirurgia, pois podem desenvolver deformidades adicionais à medida que crescem.

O tempo médio de recuperação após uma artrodese do tornozelo varia entre 4 e 6 meses. O paciente permanece dias a semanas sem pisar a depender de cada caso e da técnica usada na cirurgia. Espera-se que a consolidação da cirurgia permitindo pisar sem restrição de bota ortopédica e muletas se dê entre 3 e 6 meses.

Também são indicadas sessões de fisioterapia para que o paciente melhore sua coordenação motora e fortaleça a região operada, a fim de conseguir colocar os pés no chão novamente e voltar às suas atividades normais.

Por conta do impacto que a artrodese gera nos movimentos do tornozelo, movimentos bruscos como correr podem vir a se tornar algo difícil de se fazer. Entretanto, com paciência, perseverança e uso de calçados apropriados, um programa de corrida leve pode ser possível para alguns pacientes após o período de recuperação.

Todavia, antes de optar por essa intervenção, o ortopedista especializado em pé e tornozelo realiza uma série de exames, a fim de promover medidas conservadoras, que não agridam o corpo do paciente e promovam uma recuperação mais rápida.




Capacite-se para atender melhor os pacientes:
  • Anamnese - Passo a Passo para uma boa avaliação
  • Combo Joelho e Quadril - Cursos Online
  • Exercício para Ganho de Força Muscular: Prescrição Terapêutica

  • Gostou o texto? Nos siga nas redes sociais: Instagram, Facebook e Twitter

    Quer anunciar neste blog?
    Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui

    Quer sugerir uma pauta?
    Mande uma mensagem no Whatsapp clicando aqui ou um email clicando aqui

    Poste um Comentário

    Tecnologia do Blogger.